A Mecânica.


A Mecânica é o ramo da Física Básica que estuda o movimento dos corpos e suas propriedades gerais em nosso Universo. Classicamente a Mecânica subdivide-se em :

  Cinemática - que estuda o movimento dos corpos, sem análise profunda da causa de tais movimentos.

  Estática - que estuda o equilíbrio dos corpos sob ação de forças externas.

  Dinâmica - que analisa o movimento dos corpos em nosso Universo, levando em conta a interação entre os mesmos.

O estudo do movimento vem desde os tempos da civilização grega, proposta de Aristóteles (384-322 A.C.), que analisava os fenômenos físicos a partir de hipóteses sobre o mundo, tal qual : "toda substância tem um lugar natural no Universo".

A concordância entre a observação dos movimentos próximos à superfícies terrestre e as deduções aristotélicas, e a falta de tradição experimental, fez com que a idéias dos gregos sobre o movimento e suas causas, perdurassem por quase 2000 anos.

O trabalho sistemático de Galileu Galilei (1564-1642) baseado na experimentação e descrição dos fenômenos físicos da natureza do movimento, conduziu ao surgimento de uma nova física, que é cristalizada na obra monumental de Isaac Newton da análise do movimento dos corpos. O resultado das leis de Newton de tal modo descrevem o movimento e suas causas que parecem constituir um sistema fechado e acabado.

Numerosos fenômenos físicos foram observados e descritos por leis fixas e bem definidas nos 200 anos seguintes a Isaac Newton. Maxwell, Joule e Carnot descrevem os fenômenos eletromagnéticos e termodinâmicos. No final do século XIX, o que se denomina física clássica abrange os fenômenos físicos e teorias da mecânica, luz, calor, som, eletricidade e magnetismo.

O sucesso da física clássica levou alguns a acreditarem que a descrição do Universo físico em que vivemos, estaria completa e acabada. Entretanto, a descoberta por Roentgen dos raios-X em 1895, e da radioatividade por Beckerel em 1896, levou a necessidade de novas formulações da física para descrição destes fenômenos físicos da natureza.

Igualmente a formulação da relatividade restrita em 1905, para descrever as idéias de espaço e tempo trabalhadas por Galileu Galilei e Isaac Newton, leva Einstein a opor-se aos conceitos anteriormente estabecidos. Do mesmo modo que sugere que a luz seja formada por pequenos corpusculos, e não seja uma onda contínua como proposto pela física clássica.

É o surgimento da mecânica quântica, que se baseia na formulação da quantização da matéria e da energia. A aplicação das teorias quânticas e relativísticas aos sistemas microscópicos como os átomos, moléculas e núcleos, conduzindo a uma melhor descrição da natureza macroscópica é conhecida como física moderna.



Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.





Franco, W. O. ©1998-2005  fisicabr@fisicabr.org
Última Atualização :




  NAVEGAÇÃO

  A Física de Aristóteles


  Espaço, Tempo e Interações (I)


  Espaço, Tempo e Interações (II)


  Espaço, Tempo e Interações (III)


  A Física Newtoniana(I)


  A Física Newtoniana(II)


  A Física Newtoniana(III)


  Tipos de Forças na Natureza(I)


  Tipos de Forças na Natureza(II)


  Referenciais : Inerciais e Não Inerciais


  Aplicações Simples das Leis de Newton


  O Movimento Curvilíneo(I)


  O Movimento Curvilíneo(II)


  O Movimento Curvilíneo(III)


  O Movimento Curvilíneo(IV)


  Trabalho e Energia


  Energia : Conservação e Dissipação de Energia


  Mecânica dos Fluidos (I)


  Mecânica dos Fluidos (II)





Dúvidas e Sugestões!!!
 

©1998-2017 FisicaBR Web Site